Impacto do coronavírus nas clínicas dentários: Slow Dentistry e controlo de infecções: 4 pilares para a segurança dos pacientes (Vídeo)

Impacto do coronavírus nas clínicas dentários: Slow Dentistry e controlo de infecções: 4 pilares para a segurança dos pacientes (Vídeo)

O Dr. Miguel Stanley encara a pandemia como um momento positivo para os dentistas se reiniciarem. Talvez queiram considerar a prática "Slow Dentistry" quando regressarem. O que é isso e é adequado para si?

O Dr. Miguel Stanley diz à Dra. Pamela Maragliano-Muniz que vê a pandemia como um momento positivo para os dentistas se reiniciarem. Foi um período de reflexão para muitos. O que é que ele acredita que será diferente depois da pandemia? Afirmou que este é o momento para descobrir o que está errado e o que precisa de ser mudado na profissão. O que o Dr. Stanley espera que mude é a segurança, a higiene e a comunicação da medicina dentária com o público.

Tornou-se conhecido por criar e promover a “Slow Dentistry”. O que é e como é que os dentistas a podem implementar? Muitas vezes, os dentistas preferem trabalhar “devagar”, mas os pacientes querem tudo “rápido”. Na mente dos consumidores, a rapidez e a conveniência equivalem frequentemente a qualidade. Embora o Dr. Stanley diga que pode ser fácil enganar os pacientes com “rapidez”, os dentistas estudam para poderem praticar cuidados meticulosos e de qualidade.

Mas a Slow Dentistry não se resume à velocidade clínica, mas sim às interacções do dentista com os pacientes. Trata-se também de dedicar tempo à limpeza, desinfecção e preparação adequada para o próximo paciente. Uma rotação elevada dos pacientes raramente conduz à prática de uma medicina dentária segura. Em seguida, explica os quatro pilares básicos da Slow Dentistry.

Descubra como pode incorporá-la na sua clínica quando reabrir.

Pode consultar o artigo completo da Dentistry IQ aqui.

Related Posts

Dentes saudáveis = Olhos saudáveis

A ligação entre uma saúde oral deficiente e doenças oculares, em particular o glaucoma, é uma área de interesse emergente na investigação médica. E apenas mais uma prova científica de que todos os órgãos do nosso corpo estão ligados à nossa boca, desde o cérebro e os olhos até ao intestino e o coração.

Read More

Dentes saudáveis = Sistema reprodutor saudável

Lidar com problemas de fertilidade pode ser um processo emocional para muitos casais. Uma investigação da Johns Hopkins de 2022 revela que “embora as taxas de infertilidade nos EUA tenham estabilizado, o problema persiste para muitos indivíduos”. E todos nós conhecemos alguém que tem ou está a lidar com problemas reprodutivos. Mas sabia que a saúde oral também pode afectar a fertilidade?

Read More

Dentes saudáveis = Pele saudável

Quando se trata de saúde, nem todas as pessoas são iguais e algumas são mais sensíveis do que outras. Quem lida diariamente com problemas de pele sabe-o muito bem. O que talvez não saibam é que existe uma forte ligação entre a gestão da saúde oral e a gestão de uma variedade de doenças da pele.

Read More
Scroll to Top