“O Futuro do Sorriso” com Dr. Miguel Stanley

“O Futuro do Sorriso” com Dr. Miguel Stanley

Finalmente este mês chegará a estreia de um grande projeto que fui desenvolvendo ao longo deste ano: o primeiro documentário sobre medicina dentária na National Geographic.

Aqui deixo o link para a revista National Geographic online onde podem ler o artigo na íntegra: https://www.natgeo.pt/ciencia/2018/10/o-futuro-do-sorriso-com-dr-miguel-stanley

‘O Futuro do Sorriso com Dr. Miguel Stanley’, estreia dia 26 de novembro às 21:30. 

Neste documentário da National Geographic, o Dr. Miguel Stanley demonstra como a robótica e a inteligência artificial irão alterar os limites da ciência dentária.

Todos os anos, a medicina moderna dá novos passos e a medicina dentária ganha destaque com a evolução da tecnologia biônica. Há 200 anos atrás os problemas de saúde dentária eram uma causa de morte. Atualmente, a ciência dos sorrisos é capaz de alterar vidas e mudar o rumo da medicina.

No documentário ‘O Futuro do Sorriso com Dr. Miguel Stanley’, o médico dentista português viajou até ao Uganda para provar o impacto desta tecnologia em populações de países subdesenvolvidos. Neste país, 93% da população é afetada por problemas dentários causados por infeções e pelo difícil acesso a tratamento médico. 

Sorrisos debilitados causam, desconforto, dor ou até vergonha. Mudam personalidades e reações, podem ter impacto no percurso profissional de uma vida. Contudo, há criaturas imunes à  perda de dentes: os tubarões. Estes animais estão a ser afetados pelo aumento da temperatura da água do mar – que lhes fazem perder dentição – e conseguem fazer crescer até 50 mil novos dentes. Descortinar os mecanismos biológicos que acionam o crescimento de novos dentes, pode ajudar a espécie humana a fazer progressos nesta área, já que ao longo da vida também temos duas dentições – a de leite e a definitiva.

Por outro lado, a edição de genes pode permitir-nos rescrever o nosso DNA. Na Austrália, já é possível imprimir secções de um maxilar danificado. No futuro, a bioquímica e a bioimpressão podem contribuir para o desenvolvimento da ciência. O Dr. Miguel Stanley acredita que os dentes biônicos transformam não só a vida das pessoas, mas também melhoram significativamente a qualidade de vida.

A tecnologia de impressão 3D tem vantagens face à  técnica tradicional de colocação de implantes. Uma impressora que cabe numa mala de viagem, pode imprimir dentes em apenas algumas horas. Esta tecnologia já estão a melhorar a qualidade e velocidade do tratamento dentário em zonas subdesenvolvidas e remotas.

No ocidente o acesso rápido a tratamento dentário é mais evoluído, mas não estão disponível a toda a gente. Neste documentário, o Dr. Miguel Stanley vai melhorar a qualidade de vida de um paciente português com um tratamento revolucionário. O sorriso tem o poder de mudar vidas. Viaje pelos horizontes da medicina dentária digital na estreia do documentário ‘O Futuro do Sorriso com Dr. Miguel Stanley’, dia 26 de novembro à s 21:30.

Related Posts

“Digital does not improve mistakes, it highlights them.”

In an interview with Maxillaris, the vice-president of the Digital Dentistry Society – and member of several international scientific and academic institutions – predicts that in the future “it will be the patient who will be making more conscious decisions, assisted by artificial intelligence”.

Read More

Organic dentistry

In the last decade, we’ve seen the food industry change the way it markets what we consume. Nowadays there is much more concern about how our food is produced, packaged and distributed, and the whole organic food industry, free of GMOs (genetically modified organisms) and pesticides has really impacted this process.

Read More
Scroll to Top